PAINEL, SANTA CATARINA

Painel é uma pequena e acolhedora cidade, cortada por dois vales, que tem o turismo voltado para as belezas naturais da região. O turismo rural, com os cenários dos campos, pinheiros, fruticultura e muito mais, são os principais motivos que levam viajantes à cidade, que é também uma das mais frias do Brasil. A possibilidade de queda de neve no inverno é outro ponto que atrai o turista que quer apreciar este evento da natureza, momento em que os campos ficam todos branquinhos.

Compre sua passagem aqui

População: 2.360 habitantes

Altitude: 1144m

Fundação: 1994

Onde fica Painel?

Situa-se ao sul de Santa Catarina, na Serra Catarinense, fazendo limite com os municípios de São Joaquim, Lages, Urupema, Capão Alto, Rio Rufino,bem como Bocaina do Sul. A cidade está localizada no planalto serrano catarinense.

Como chegar?

Partindo de Florianópolis, via BR-282, sentido Lajes, entrar na SC-114 até a cidade. Também é possível chegar ao município pela SC-438.

Contrate seu seguro aqui

Distância de Florianópolis: 225 km

História

A colonização da cidade aconteceu no final do século XIX por imigrantes portugueses, italianos, espanhóis, bem como alemães. O local foi distrito de Lages desde 1899 até a emancipação, em 1994. No início da década de 1880, a comunidade era chamada de Quarteirão do Portão, mais popularmente Portão.  Então, em 1885, o nome da localidade foi alterado para Painel.

Reserve seu carro aqui

A origem do peculiar nome da cidade não tem uma versão única e há duas teses para o nome. Uma delas seria a presença de um viajante que, encantado com a paisagem, disse que a vista da localidade era como se fosse um painel pintando. A outra corrente indica que o nome teria se originado em razão de um cidadão negro muito querido na cidade, chamado Noel. Ele passou a ser conhecido como Pai Noel, daí passou era Painel. Os habitantes são denominados painelenses.

PAINEL, SANTA CATARINA 1

Clima

O clima da cidade é mesotérmico úmido. A temperatura média anual é 16ºC. Contudo, no inverno é muito frio, há possibilidade de neve.

Para quem quer sentir o frio, bem como temperaturas abaixo de zero, a melhor época para visitar é o inverno, entre junho e julho. Por outro lado, para apreciar as belezas naturais, a época indicada para visita é o verão, entre janeiro e fevereiro (também faz dias frios).

Economia

Um setor importante na economia é a piscicultura, em que se destaca a criação de trutas. Em comemoração ao aniversário da cidade, em agosto, é realizado o evento conhecido como Painelaço, com a Festa Nacional da Truta e do Tiro de Laço.

Gastronomia e Hospedagem

A cidade possui poucas opções gastronômicas e de hospedagem. As pousadas rurais permitem ao visitante contato direto com a natureza. Lanchonetes, bem como pequenos restaurantes são as ofertas para as refeições.

O que fazer?

Painel, em si, não possui muitas atrações turísticas, sendo que a cidade é bem pequena. Já os municípios vizinhos, Urupema, São Joaquim, bem como Lages, contam com diversas opções turísticas. Recomendamos ficar em uma dessas cidades e dar uma passada em Painel no caminho – foi o que fizemos. Em viagem à região, fizemos uma parada em Painel no caminho de Urupema para São Joaquim e conhecemos a igreja e a rua principal.

Igreja Matriz de São Sebastião

PAINEL, SANTA CATARINA

A Igreja Matriz são Sebastião fica no centro de Painel, em frete à rua principal. A igreja católica possui coloração azul.

Letreiro

PAINEL, SANTA CATARINA 3

Um letreiro escrito “Eu amo Painel” nas cores azul, bem como vermelha fica na Avenida Cel. Caetano V da Costa, a rua principal. Essa rua é charmosa, assim como peculiar, com pequenas casas de estilo próprio.

Reserve seu hotel aqui

Garganta do Caveiras

É um dos principais pontos turísticos da cidade, localizado na divisa com Lages. O local fica na fazenda Morro Chato e o passeio só pode ser feito com agência.